26
06
2018

Só Escute – Sarah Dessen

Antes de sair para viajar, recebi um livro surpresa da editora Seguinte: Só Escute, da Sarah Dessen. Já havia lido alguns títulos dessa autora em inglês, mas essa obra ainda não. Sarah escreve livros adolescentes, lidando com problemas sérios de maneira delicada. Sempre conseguimos nos identificar com suas personagens principais, o que torna a leitura bem prazerosa. Por isso, fiquei bem entusiasmada para conhecer essa história, quando chegou o livro em casa.

Título OriginalJust Listen 
AutorSarah Dessen 
Editora: Seguinte
Páginas: 347
AdicioneSkoob | Goodreads

A História de Só Escute

Só Escute conta a história de Annabel. Ela vai voltar para a escola, mas depois de tudo o que aconteceu, sabe que não será fácil. O leitor vai descobrindo aos poucos a razão de tantas mudanças na vida social de Annabel. Também vai entender sua estranha e agora inexistente amizade com Sophie e como a sua vida familiar anda complicada.

Annabel é a mais nova de três irmãs. Todas já trabalharam em algum momento como modelo. Annabel é, para todo mundo que a conhece, a garota que tem tudo. Embora essa seja a imagem que ela passa, as coisas não são bem assim. Sua irmã do meio se encantou com o mundo da moda e acabou desenvolvendo um distúrbio alimentar. E ainda que todos tentassem fazer com que ela admitisse o problema, ela não conseguia entender que estava com problemas.

Por isso, Annabel não quer discutir sua vida pessoal em casa. Ela acha que seus problemas podem só piorar a situação para a sua família. Então, ela fica quieta. Porém, isso muda quando conhece Owen. Ele tem um programa numa rádio comunitária  e conforme a amizade dos dois vai se aprofundando, ele vai fazendo Annabel perceber que às vezes, tudo o que precisamos é de alguém que só escute.

A Importância de Escutar

O livro traz várias lições sobre a importância de pedir ajuda, de escutar e compartilhar seus problemas. Annabel está convencida a não aumentar os problemas de sua família, ainda que isso só aumente a pressão sobre seus ombros. Ao não conversar com ninguém e tentar resolver todos os seus problemas sozinha, ela acaba se afundando ainda mais.

A amizade com Owen acaba sendo uma válvula de escape. É ele que a ajuda e Annabel passa a ver a situação com outros olhos. Owen tem seus próprios problemas, mas já está procurando ajuda, por isso ele consegue entender melhor o que Annabel está passando. Isso não quer dizer que ainda não esteja batalhando para melhorar, mas ele passa a mostrar para ela outras maneiras de lidar com tudo o que está acontecendo.

Outra discussão que achei muito interessante foi sobre o papel de cada um na família. A relação de Annabel com as irmãs é muito bem trabalhada na história. Gostei principalmente da reflexão sobre como cada uma delas via seu papel e suas irmãs. É uma temática muito pouco trabalhada em livros adolescentes, mas que é essencial e a maneira como Sarah o faz é interessante.

O livro me surpreendeu muito e de modo muito positivo. Por isso, recomendo a sua leitura, principalmente para quem ainda está na adolescência. Porém, o fato de sua temática ser adolescente não tira o seu brilho também para quem já passou dessa fase.

Esse livro foi cedido em parceria com a editora.

Siga-me por aí:

Twitter | Facebook | Instagram

Skoob | Goodreads

15
Deixe um comentário

avatar
15 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
15 Comment authors
Suelen FernandesLuana SouzaSam JoyceMilenaLuma Recent comment authors
  Subscribe  
Notificar-me quando houver
Bianca Ribeiro

aaaaaaaaaah que resenha lindaaaaaa!!!! fiquei morrendo de vontade de ler! E essa capa então?? sem contar que esse enredo, fortissimo, capaz de me abalar sem realmente ter lido, preciso, sem mais.

Marina Brum

Como disse achei a trama bem interessante para os adolescentes mas também daria uma chance para ele principalmente no momento entre duas leituras pesadas, Annabel parece uma personagem cativante.

Anna Caroline

Olá,
Sarah Dessen é uma escritora que eu gosto bastante, acho os YAs dela muito bem escritos e como você mesma mencionou ela sabe abordar assuntos complexos de uma forma delicada. Reconhecer que precisa de ajuda em qualquer idade pode ser difícil, por isso, acho que essa é uma leitura relevante para qualquer pessoa. Eu ainda não o li, mas a minha parceira de blog ficou extremamente apaixonada por essa leitura, acredito que em breve irei lê-lo também.
Beijos

Priih

Oi Mari, tudo bem?
Primeira vez por aqui =)
Já ouvi muitos elogios a esse livro, mas ainda não tive a chance de ler. Gostei muito da sua resenha!
Beijos,

Priih
Infinitas Vidas

Estelar

Olá mari , 🙂
Sua resenha me lembrou de um filme que eu assisti na Netflix , o nome é “O minimo para viver”. Que conta a história de Elie que tem disturbio alimentar , mas ela foi forçada a fazer o tratamento. Recomendo que assista , preciso assistir ele novamente porque já me esqueci do conteúdo dele.

Adorei sua resenha <3

Hanna Carolina

Puxa, nunca tinha lido esse livro, mas já gostei. Às vezes ser apenas os ouvidos de alguém que precisa faz um efeito surpreendente, né? Vou procurar esse livro por aqui, já quero ler! 🙂
Bjks!
http://www.mundinhodahanna.blogspot.com

Fábrica dos Convites

Oi Mari, não tinha lido resenha deste livro ainda, e achei importante a abordagem sobre pedir ajuda, escutar e compartilhar os problemas. Temos a tendência de guardar as coisas para dentro de nós, e isso é bem prejudicial.
Bjs, Rose

Garotas Devorando Livros

Olá!

Adorei sua resenha, passa muita verdade e sentimento, parabéns! Quanto ao livro, eu preciso dizer que sou louca para conhecer algo da autora, mas até o momento não consegui, quem sabe eu não começo por esse? Espero gostar bastante.

Beijos

diane ramos
diane ramos

Olá…
Adorei sua resenha!
Ainda não li essa obra, mas, já tive a oportunidade de conferir outras da autora e gostei demais! Ela tem uma capacidade incrivel de sugar o leitor para a história que eu admiro muito… Já passei da adolescencia, mas, com certeza esse é um livro que ainda quero ler!
Fico feliz que tenha se surpreendido com a história <3
Bjo

Amanda

Interessante a -premissa do livro e muito pertinente no mundo atual, com os altos números de suicídio. Gostei muito da sua resenha pois ela foi bem sucinta e conseguiu tratar dos pontos centrais do livro sem spoiler 🙂
beijos,

Amanda
http://www.amandasoldi.com

Luma

é muito bom ver livros com temática teen, por ser uma fase de tantas mudanças, gostei do seu cuidado em escrever os sentimentos. Beijos

Milena
Milena

Oi!
Ainda não tive a oportunidade de ler algum livro da autora, mas sempre vejo comentários positivos sobre seu trabalho. E essa pegada adolescente também me encanta bastante. Espero poder ler em breve e tirar minhas próprias conclusões a respeito.
Parabéns pela resenha. Muito bem escrita!
Beijos!!

Sam Joyce

Menina não conhecia essa autora, nem nunca tinha ouvido falar (inclusive quando li o titulo eu podia jurar que seria um texto ou uma postagem sobre algum CD kkk), mas fiquei morrendo de vontade de ler, parece ser bastante interessante envolvente

Luana Souza

Que surpresa linda antes de uma viagem hehe. O livro parece ser ótimo. Mais do que ninguém, sei como é importante ter alguém disposto a nos escutar. Hoje em dia todo mundo adora falar demais sobre muita coisa, mas poucos querem ouvir, ainda mais quando se trata de alguém que precisa de ajuda! Pela premissa, parece ter vários temas importantes. Adorei a indicação 🙂 beijos.

Suelen Fernandes

Olá!
Eu ainda não tive oportunidade de ler os livros da autora. Fiquei bem curiosa para conhecer a história, gosto de livros que tragam temas importantes e não me importo de ser uma história adolescente. Outra coisa que me deixou curiosa é saber qual o problema que a personagem tem.
Adorei a sua resenha e já anotei a dica.
Beijinhos!