28
08
2021

The Sims 4: Pacotes de Expansão Que Não Comprei e Porque

Falar em pacotes no The Sims 4 é ter que reclamar. Afinal, a franquia The Sims tem muito DLC e para ter o jogo “completo” é preciso pagar muito. Para piorar a situação, a EA começou a lançar os Kits, que são pacotes com poucos objetos, elementos do CAS (o nosso Criar Um Sim) ou de jogabilidade. Mas no fim das contas, é mais uma maneira de ganhar dinheiro. Porém, para quem não faz questão de ter o jogo completo, como eui, a alternativa é simples: escolher o que vale a pena investir. Por isso, hoje vou conversar sobre os pacotes de expansão que não comprei e minhas razões para isso.

Se você estiver em dúvida, pode ajudar. Aliás, já tem post aqui no blog sobre quais pacotes comprar. E pode ser que eu faça outras versões desse post para os demais tipos de pacotes. Por isso, senta aí e vamos conversar sobre The Sims 4.

Ao Trabalho

Ao Trabalho é o pacote de expansão mais antigo de The Sims 4. Seu maior atrativo é que com ele, você pode ir ao local de trabalho de seu Sim. São três carreiras: cientista, médico ou detetive. Além disso, você pode criar lojas ou ter sua padaria, já que com ele vem a habilidade de confeitaria. Também tem um novo mundo, que na verdade é mais como um distrito comercial de Willow Creek com quatro lotes comerciais.

Esse pacote não me atrai tanto porque não tenho tanto interesse nas carreiras. Além do mais, o mundo que vem com ele é minúsculo e quase sem atrativos. E quanto sua própria loja… bem, eu vi como funcionam os restaurantes no The Sims 4 e não gostei. Outro ponto é que por ser o primeiro, os objetos ainda são meio estranhos nas texturas. Definitivamente, não é um pacote para mim.

Gatos e Cães

Eu amo animais e sempre tive bichinhos de estimação. Porém, não gosto deles no The Sims. Acho que eles foram bem desenvolvidos, mas não sei se fazem falta no meu jogo. E como são eles a grande estrela do pacote, não quis comprá-lo. Já cheguei a considerar, sim. Eu gosto do mundo que vem com ele, Brindleton Bay. Também gosto do estilo dos objetos. Porém, por enquanto, isso não foi suficiente para me fazer gastar com essa expansão.

Rumo à Fama

Existem alguns motivos pelos quais o Rumo à Fama nunca foi prioridade na minha lista de expansões que quero no meu jogo. O principal é que não acho que o sistema de fama se encaixa muito no meu jogo. Quando eu jogo The Sims, normalmente quero jogar com minhas famílias, fazendo algo mais real. Ser famosa nunca foi meu objetivo, nem para os meus Sims. Junte-se a isso que os objetos desse pacote fogem totalmente do meu estilo e o mundo, Del Sol Valley, simplesmente não me atrai nem um pouco.

Ilhas Tropicais

Eu acho Sulani um mundo lindo. As ilhas, as praias… o estilo é bem tropical, cheio de cores vivas. Por isso, já pensei em comprá-lo também. Sabe o que me fez hesitar e ir comprando outros pacotes? O fato de que eu não acho que o Ilhas Tropicais faz o seu trabalho direito de expandir o jogo. Quando assisto gameplays do pacote no YouTube, fica claro que toda a jogabilidade do pacote fica presa a seu mundo. Pode virar um ótimo mundo para passar as férias, mas caso você queira aproveitar mesmo, tem que morar lá e fazer tudo lá.

Vida Sustentável

Já se passou um ano e eu ainda quero saber quem foi que achou que oba-oba na lixeira era uma boa ideia. Mas não é só isso que me confunde nesse pacote: achar comida na lixeira é algo desumano, não sei porque colocar isso como divertido. Além disso, acho que esse pacote é uma ideia boa porém mal desenvolvida. A ideia dos projetos da Comunidade, por exemplo, parece que iria me irritar muito. É divertido na primeira ou segunda vez. Em todo jogo? Fica chato. O único ponto positivo são os objetos, mas por objetos não vale a pena passar raiva com as “diversões” desse pacote.

Diversão na Neve

Os meus problemas com Diversão na Neve são basicamente os mesmos do que com Ilhas Tropicais. Não vejo como ele expande o jogo, já que a maioria das atividades ficam presas em Monte Komorebi, o mundo que vem com ele. As atividades na montanha, snowboard, trenó… tudo só acontece em Monte Komorebi. A neve mesmo já existe há tempos para quem tem o Estações. É um pacote que só é expansão porque tem mais objetos. Aliás, a EA deveria ter enxugado esses pacotes e ter lançado como pacotes de jogo, como é, por exemplo, o Aventuras Na Selva. Transforma Sulani e Monte Komorebi em mundos de destino e pronto: tudo faria mais sentido. Porém, a EA iria deixar de faturar? Claro que não.

E são esses os pacotes de expansão que não comprei. Desses, acho que o único que eu ainda consideraria baixar seria o Gatos e Cães. Mas quanto aos outros, hoje nem o Ilhas Tropicais me atrai tanto assim.

Outro post que talvez eu faça (não prometo nada pois nunca sei exatamente se vou ter ânimo) é falar sobre os pacotes de expansão que tenho e porque comprei cada um deles. No post sobre quais pacotes comprar eu expliquei sobre os meus preferidos, mas acho que explicar como decidi adquirir cada um deles possa ser interessante, principalmente em contraponto a esse post. E claro, desde aquele post a EA já lançou mais pacotes de expansão, de jogo, coleções de objeto e até inventou os kits. Muita coisa aconteceu. É sempre bom atualizar minhas opiniões.

Siga-me por aí:

Twitter | Facebook | Instagram

Skoob | Goodreads

Subscribe
Notificar-me quando houver
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Poly
3 meses atrás

Ano retrasado eu tentei comprar uns 4 pacotes de expansão em uma black friday e não consegui. Tentei com todos os cartões que tinha, mas a Origin simplesmente não me deixou comprar. Naquele mesmo dia eu baixei ilegalmente todos os pacotes disponíveis e fui muito feliz jogando tudo. Eu tinha o jogo base original e não me deixou comprar mais, fazer o que?! Mas o jogo foi ficando pesado demais para o meu notebook e eu acabei desinstalando e agora não tenho mais tempo de jogar. Os que eu não gosto: Ao Trabalho, Gatos e Cães, Ilhas Tropicais, Vida Sustentável,… Ler mais