Categoria "Acabei de Ler"
19
12
2015

Acabei de Ler: Auggie & Eu – RJ Palacio

Quem já leu Extraordinário já conhece o Auggie. Ele é um menino que nasceu com uma deformidade facial e por conta de vários problemas de saúde, teve que se submeter a muitas cirurgias e acabou estudando em casa ao invés de ir para uma escola.auggie01

O livro Extraordinário é todo sobre o Auggie, contado em sua maioria por ele mesmo, mas também por outras pessoas que moram e convivem com ele.

Auggie & Eu não é, porém, uma continuação de Extraordinário. Acho que a melhor maneira de descrevê-lo seria como um livro que complementa sua história, porém, não é sobre ele.

Aqui temos três histórias contadas por pessoas que também conhecem Auggie, mas que vão contar suas próprias histórias e não mais a história de Auggie.auggie02

Em O Capítulo de Julian, a história é a versão de Julian, que nós poderíamos chamar de arqui-inimigo do Auggie em Extraordinário. Conhecendo melhor Julian e como é sua vida, conseguimos compreender melhor suas ações. Claro, não se justifica, mas dá para entender melhor o que Julian estava passando e como ele estava se sentindo.auggie03

Em Plutão, quem conta a história é Chris, que é o amigo mais antigo de Auggie e que é mencionado bastante em Extraordinário. Porém, como Chris se mudou para longe, não vê mais Auggie como antes. Ele conta a sua história, seus problemas pessoais e como ser amigo de Auggie afeta sua vida.auggie04

Por fim, Shingaling é contada por Charlotte, que era a terceira dos alunos que fizeram parte da comissão de boas-vindas ao Auggie (para quem não lembra, Julian e Jack eram os outros dois alunos). Charlotte nunca vira amiga realmente de Auggie e se mantém distante e neutra quando tudo acontece com ele. O interessante desse conto é ver como o grupo de meninas age e como muita coisa acontece na escola que o Auggie nem sonha que aconteça.

A RJ Palacio escreve pelo ponto de vista das crianças (ou seriam pré-adolescentes?) muito bem. Achei a decisão dela, de não escrever uma sequência para Extraordinário por acreditar que seria limitar a imaginação de vários leitores que já traçam o futuro de Auggie, muito interessante, ainda mais porque lhe deu a chance de explorar outros aspectos da história dele, fortalecendo ainda mais o universo que criou.

E Extraordinário é um livro maravilhoso que todos deviam ler, ainda mais por trazer um protagonista com deficiência. Auggie & Eu é uma delícia de ler também e merece uma chance. Definitivamente, uma ótima leitura.

15
11
2015

Acabei de Ler: Isla and the Happily Ever After – Stephanie Perkins

Finalmente li esse livro, que nada mais é que a história final no universo de Anna e o Beijo Francês, cuja história seguiu com Lola e o Garoto da Casa ao Lado e que agora se encerra com Isla e o Final Feliz, já publicado aqui no Brasil. Porém, como eu havia comprado a edição capa dura logo que ela havia sido lançada lá fora, li o livro em inglês mesmo.isla (mais…)

10
11
2015

Gaiman Who? – #AllABoutGaiman

A Mayra, do canal All About that Book, no Youtube, organizou nesse mês de Novembro o All About Gaiman, para comemorar os 55 anos do escritor Neil Gaiman, que faz aniversário nessa terça-feira, dia 10. Achei a ideia muito boa, vários booktubers vão participar partilhando suas impressões sobre as obras do autor e eu resolvi colaborar também de uma maneira que é a minha cara: falando da relação dele com a minha série preferida, Doctor Who.

the-doctors-wife-neil-gaiman (mais…)

25
10
2015

Acabei de Ler: O Casamento da Princesa – Meg Cabot

O Casamento da Princesa é o 11º livro da série O Diário da Princesa, e foi publicado 15 anos depois do primeiro livro da série ter sido lançado. O livro continua a história da Mia, que, ainda adolescente, descobre que é uma princesa de um pequeno país da Europa. Como o príncipe era seu pai e ela morava com a mãe em Nova Iorque, Mia só descobriu que era herdeira do trono porque seu pai tem um problema de saúde que acaba por impedir que ele tenha mais filhos. Então, Mia é obrigada a herdar o trono e para isso deve passar por aulas de princesa com a mãe de seu pai. Mas isso é apenas o começo do primeiro livro.

IMG_1710

 Dez livros depois, Mia é uma adulta, namorando há mais de 10 anos com Michael Moscovitz, sua paixão da adolescência e irmão de sua melhor amiga, Lilly. Ela comanda um centro de ajuda a adolescentes em NY e também tem que lidar com todos os compromissos reais que vem com o cargo.

Porém, todos esses compromissos e os problemas que vem com eles acabam por deixar Mia estressada, então por recomendação médica, ela volta a escrever em seu diário. Essa é a justificativa para termos esse livro novo.

E os problemas não são poucos. Entre os sites da Internet que fazem um ranking da realeza baseado nas atitudes dos membros das famílias reais ao redor do mundo, todos os sites de fofocas que acabam inventando histórias mirabolantes sobre ela, e ainda por cima seu pai que parece estar tendo uma crise de meia idade algo complicado para quem é um príncipe, Mia com certeza tem muito com o que lidar. Ainda por cima existe a expectativa de todos a respeito de seu casamento. Detalhe: Michael nem fez o pedido ainda.

IMG_4864

Muitas pessoas criticaram o livro por achar que a Mia não havia crescido. Por se passar 10 anos depois do último livro, Mia já está com 26 anos, ou seja já é uma adulta. Então, é de se esperar que a suas atitudes tenham amadurecido. Porém, apesar de Mia aprontar algumas, eu consegui ver um desenvolvimento da personagem. Não achei que ela continuava a ser a mesma pessoa do último livro da série. Aliás, consegui ver várias mudanças em seu comportamento. Por exemplo, ela não é mais tão impulsiva. Consegue pensar um pouco antes de agir.

 Claro, Mia ainda mantém várias características que estavam lá nos 10 primeiros livros. Mas isso é normal. Afinal de contas ela não poderia ter se tornado uma pessoa totalmente nova simplesmente porque cresceu. Por exemplo, Mia é muito hipocondríaca. Sempre foi. Sempre achava que estava com doenças mirabolantes e ia ao médico sempre que possível. Mas essa é Mia. Ela não mudaria simplesmente porque amadureceu.

No final das contas, gostei muito do livro. Não, não é um livro que vai mudar a sua vida. Não é um livro que é um clássico da literatura. Mas é um livro feito para os fãs da série, que como eu, sentiam falta dos personagens (aliás, aparecem todos aqui, até alguns que você imaginaria que nunca mais voltariam a dar as caras). O enredo em geral é um pouco forçado. Cheguei a comentar na resenha do Goodreads que É o tipo de enredo que eu só aceitaria em um livro da série O Diário da Princesa. Porque sim, existem certos fatos que acontecem no livro com o objetivo óbvio de arrumar certas partes da história. Alguns acontecimentos são bem fantasiosos, mas mesmo assim, é totalmente aceitável aqui.

Como todos os outros livros que li da autora, esse também é uma leitura leve e rápida, com várias partes engraçadas, com várias partes absurdas e várias partes que te fazem suspirar. É um livro que te faz voltar no tempo e se sentir uma adolescente novamente. Mas, ao mesmo tempo, você percebe que a Mia cresceu com você e como você, se tornou uma adulta. Porém sem deixar de ser a mesma pessoa que era. Definitivamente, para mim, uma ótima leitura.mari

18
10
2015

Acabei de Ler: À Procura de Audrey – Sophie Kinsella

Sophie Kinsella, autora conhecida internacionalmente por seu livro “Os Delírios de Consumo de Becky Bloom”, veio ao Brasil na última Bienal do Livro do Rio, principalmente para divulgar seu mais novo trabalho, seu primeiro livro YA chamado À Procura de Audrey.procuraaudrey

(mais…)

01
10
2015

Minha Coleção De Harry Potter – Parte 1

Para quem ainda não sabe, eu faço coleção das diferentes edições de Harry Potter. De uma maneira prática e direta, isso quer dizer que atualmente eu tenho na minha estante 5 (!!!!) coleções completas de Harry Potter, sendo duas em edições brasileiras pela Rocco, duas em edições britânicas da Bloomsbury e uma em edição americana, da Scholastic.

boxhp01 (mais…)

24
09
2015

Acabei de Ler: Golem e o Gênio – Helene Wecker

Eu preciso falar sobre esse livro porque sinceramente acho que todo amante da leitura e da fantasia devia lê-lo. Golem e o Gênio é um livro que se passa na virada do século XX em uma Nova York que recebe novos imigrantes todos os dias. Os dois personagens principais são uma Golem (uma criatura mágica feita de barro para servir um mestre, relacionada com a tradição judaica) e um Djim, basicamente um gênio, desses que moram em garrafas e realizam desejos, ligados à cultura árabe.

golem04

(mais…)

18
09
2015

Acabei de Ler: A Rainha Vermelha – Victoria Aveynard

Depois de muito ler romances históricos, decidi mudar um pouco o estilo de leitura e voltar a ler distopia, um gênero que já fazia um tempo que eu não lia. O escolhido foi A Rainha Vermelha, principalmente, não posso negar, por causa da capa. Essa capa prateada toda cheia de brilho me encantou e eu tive que trazer o livro pra casa.

imageOuvi muitos elogios quanto à história e ao mundo distópico criado aqui, e por isso achei que renderia uma boa leitura. A personagem principal se chama Mare Barrow, e ela é uma vermelha, o que significa que possui sangue vermelho, em contraste aos que têm sangue prateado, que possuem poderes especiais e por causa disso acabaram dominando todos os vermelhos e fazendo deles seus escravos e os mandando para a guerra. (mais…)

07
09
2015

Acabei de Ler: Nunca Julgue Uma Dama Por Sua Aparência – Sarah MacLean

Para finalmente finalizar a série de posts sobre a série de livros da Sarah MacLean, aqui está o último livro, Never Judge a Lady By Her Cover, que na edição brasileira da Editora Gutenberg ficou Nunca Julgue Uma Dama Por Sua Aparência. E logo de cara já aviso: não dá para falar desse livro sem falar do principal spoiler, então, se você ainda não leu pelo menos até o fim do terceiro livro, pode ir parando por aqui. Você foi avisado.  (mais…)

Página 30 de 39«1 ...262728293031323334... 39Próximo