15
08
2019

O Visconde Que Me Amava – Julia Quinn

Continuando com a série dos Bridgertons, o segundo volume é O Visconde Que Me Amava. Nesse livro, conheceremos Anthony, o chefe da família e Visconde Bridgerton. Anthony é considerado um Libertino com l maiúsculo por Lady Whistledown, a Gossip Girl da época. Porém está convencido de que chegou a hora de escolher uma esposa. Ele sente um grande senso de responsabilidade em relação à família. E também acredita que não terá muito tempo para casar e ter filhos. Mas toda essa paranóia do Anthony eu explico aqui no post para vocês.

Título OriginalThe Viscount Who Loved Me
AutorJulia Quinn
Série: Os Bridgertons #2
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
AdicioneSkoob | Goodreads

Conhecendo Anthony Bridgerton em O Visconde Que Me Amava

Após conhecermos Simon e Daphne em O Duque e Eu, chegou a vez de conhecermos Anthony. Ele é o Visconde Bridgerton já há algum tempo, pois seu pai, Edmund, faleceu com apenas 38 anos. Dessa forma, Anthony assumiu o título e a responsabilidade pelos seus sete irmãos quando tinha apenas 18 anos.

A família Bridgerton é uma família muito bem estruturada. Os pais de Anthony se amavam muito e demonstravam todo esse amor. Assim, todas as crianças cresceram rodeada por esse sentimento. Por ser o mais velho e herdeiro do título, Anthony tinha uma relação muito próxima com o pai. Foi um choque muito grande para ele quando o perdeu.

Porém, o que ninguém talvez esperasse é que Anthony iria tirar uma certeza da morte do pai: a de que ele próprio também morreria cedo. Ora, o seu pai era uma pessoa formidável. Para Anthony, simplesmente não havia como ultrapassar o pai de maneira alguma. E isso incluía também o tempo de vida. Ele então vive com essa bomba-relógio, esperando por sua morte antes dos 38 anos.

Quando decide se casar, já sabe que terá que encontrar uma moça ideal. Discreta, decente… E alguém por quem não poderá se apaixonar. Afinal, qual a razão de se apaixonar por alguém se ele não poderá estar ao seu lado até o fim? De forma muito lógica, ele decide que a candidata ideal é Edwina Sheffield. O obstáculo? A irmã mais velha dela, Kate.

Sobre Edwina, Kate e Mary

Kate e Edwina estão debutando juntas. Isso não é o ideal, mas a verdade é que o pai das duas não deixou muito dinheiro, então elas decidiram cortar despesas. A mãe de Edwina não é a mãe biológica de Kate, mas é como se o fosse. O pai de Kate casou com Mary quando ela era ainda muito nova, logo Mary é a única mãe que Kate conheceu. E as duas tem uma ótima relação. Na verdade, a única diferença é que Kate não chama Mary de mãe, mas para todos os efeitos, é o que ela é.

Kate ama muito a irmã mais nova. Como Edwina é muito bonita, atrai muitos pretendentes e Kate está determinada a proteger a irmã de libertinos. Logo, quando Anthony faz suas intenções serem conhecidas, Kate não está muito feliz.

Assim, os dois trocam farpas a cada vez que se encontram. Os diálogos entre os dois são rápidos, precisos e às vezes, até com trocas de ofensas. Porém, logo fica claro que existe algo mais entre Kate e Anthony. E uma festa na casa de campo dos Bridgertons será o cenário perfeito para um escândalo acontecer. E é tudo culpa de uma abelha. Quer entender melhor? Leia O Visconde Que Me Amava, porque tem certas coisas que não dá para explicar.

A Leitura de O Visconde Que Me Amava

Eu me diverti muito com a leitura desse livro. Como eu disse, foi o primeiro livro da Julia Quinn que eu li, mas sinceramente não atrapalhou em nada o meu entendimento da história. Anthony e Kate são um casal bem dinâmico e interessante. Os dois trazem algumas cicatrizes de seus passados que interferem em suas ações como adultos. Mas é muito interessante perceber como a Julia Quinn trabalha tudo isso em O Visconde Que Me Amava.

O relacionamento dos dois, bem como a maneira como vão se descobrindo além das primeiras impressões, é desenvolvido com um ritmo muito bom. É uma história que você nem vê passar o tempo quando está lendo. É um romance leve, porém com boas doses de reflexão. Os Bridgertons continuam a conquistar seus leitores e é fácil entender porque Shonda Rhymes está produzindo a série para a Netflix baseada neles.

Siga-me por aí:

Twitter | Facebook | Instagram

Skoob | Goodreads

avatar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
Notificar-me quando houver