09
10
2018

The Woman Who Fell to Earth – Doctor Who S11E01

Nesse último domingo, finalmente, começou a 11ª temporada de Doctor Who. Eu já falei muito sobre a série aqui no blog, inclusive há alguns anos eu tinha uma sessão chamada Terças Whovians. Os posts daquela época e todos os outros sobre a série podem ser encontrados na tag Doctor Who. Mas esse começo de temporada teve algo muito especial: foi o primeiro episódio, em 55 anos de série, que tivemos uma protagonista mulher. Sim, nós já falamos aqui sobre a mudança e sobre a resistência de alguns fãs. Porém, é com esse novo episódio que a gente ia poder tirar a prova: afinal, uma Doutora é algo ruim?

 

Sobre The Woman Who Fell To Earth

The Woman Who Fell To Earth começou apresentando os três amigos da nova Doutora. Nessa temporada, temos Graham (Bradley Walsh), um motorista de ônibus aposentado. Temos Yasmin Khan, a Yaz (Mandip Gill) uma policial em início de carreira ansiosa por fazer a diferença. E por fim, Ryan Sinclair (Tosin Cole), que trabalha em um depósito e tem dispraxia. Eu não conhecia o problema, mas basicamente afeta a coordenação da pessoa. É por isso que aos 19 anos Ryan luta para aprender a andar de bicicleta.

É esse o novo grupo de amigos da nova Doutora (Jodie Whittaker). Ela se vê, logo após a regeneração, caindo dentro de um trem. Mas como nada é por acaso, esse trem estava parado após ser atacado por um alien cheio de tentáculos. A Doutora passa então a tentar entender o que está acontecendo, além de ter que lidar com todos os sintomas da pós-regeneração. E logo percebe que não é nada tão fácil, visto que o alienígena não parece estar sozinho e uma trilha de mortos é deixada para trás.

 

 

Assistindo A Nova Doutora

Falando sobre o episódio, amei a maneira como ele foi escrito. É um dos melhores episódios de apresentação de uma nova era da série. A Doutora de Jodie já mostra a essência do personagem. Não há dúvidas: ali está a Doutora, que roubou uma TARDIS e fugiu de Gallifrey. É a mesma personagem de sempre, ainda que dessa vez seja uma mulher, ao contrário das doze encarnações anteriores. A energia que Jodie dá para personagem é maravilhosa e já dá para sentir toda a sua curiosidade, genialidade e seu caráter.

E mesmo com três amigos para se apresentar, o episódio faz isso muito bem. Nós temos um relance da vida de cada um deles, entendemos um pouco de suas histórias. Para mim, essa parte de entender um pouco da onde cada um deles vêm é essencial. Confesso que eu sentia muita falta disso com os personagens do showrunner anterior. Mas Chris Chibnall parece entender essa necessidade e deu uma história para cada um, dando um pouco mais de realidade para cada personagem.

O vilão dessa história é a cara de Doctor Who: talvez um pouco tosco, mas cheio de personalidade. Não vou explicar muito sobre ele porque acredito que seria spoiler. Porém, vou dizer desde já que sua história faz sentido e que a Doutora resolve o conflito de uma maneira bem Doutora de ser.

Com equilíbrio entre as cenas de ação e as de emoção, com algumas pitadas de humor, o episódio me ganhou por completo. Eu estava com saudades de Doctor Who e poder assistir esse episódio no cinema, como The Day of the Doctor e Twice Upon a Time, foi maravilhoso. Minha série de navinha voltou e eu mal posso esperar para o episódio da semana que vem.

Como Assistir a 11ª Temporada de Doctor Who

A 11ª temporada de Doctor Who está sendo disponibilizada pelo serviço de streaming Crackle. O primeiro e o segundo episódios estarão liberados para todo mundo no site doctorwho.crackle.com. Depois disso, só para os assinantes. Assine o Crackle através de sua operadora. Você encontra todas as informações aqui. Eu, por exemplo, fiz minha assinatura pela Oi, por causa do meu celular.

E vocês, acompanharam a estréia de Jodie Whittaker no papel? Olha que eu acho que tem bastante gente que criticou no começo e agora tá dando o braço a torcer, hein?

Siga-me por aí:

Twitter | Facebook | Instagram

Skoob | Goodreads

avatar
8 Comment threads
0 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
7 Comment authors
Saga LiteráriaYvensLeonardo Santos da SilvaDeisy Rodriguesmauro Recent comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
Notificar-me quando houver
Malu
Malu

Poxa, não conheço a série. Pelo menos nunca parei para assisti-la. Pela tua resenha parece que ela passou por uma mudança significativa no que diz respeito ao gênero do protagonista, isso pode ser uma faca de dois gumes né? Rs Tomara que de certo.

daniele

Olá
Parece ser um episódio muito Doctor Who, acho que essa temporada pode até mesmo ser a melhor dos últimos anos já que, meio que se quer provar que é viável um doutor mulher, e assim acho que os fãs só tem a ganhar.

Suellen Souza

Olá, Mari.

Então acredita que até hoje não assisti nada de Doctor Who. Tenho muito vontade, e pela sua resenha, dar para perceber que essa nova temporada será muito boa. Obrigada pela dica, vou anotar aqui para minha lista infinita de série para assistir. Bjs

mauro
mauro

não conhecia a serie mas acho que vou gosta bastante por a serie trata sobre alienígena, vou assisti os primeiro e o segundo para saber ser gosto, obrigado pela dica

Deisy Rodrigues

Eu adoro Doctor Who mas desde que o Netflix tirou da programação ando bem atrasada, preciso ver as temporadas anteriores pra ver essa nova.

Leonardo Santos da Silva

Olá, tudo bem?

Eu sou muito fã de Doctor Who e concordo contigo quando você diz que essa foi uma das melhores introduções de um novo doctor na série, muito ansioso pros próximos episódios.

Abraços, Leonardo do Porão Literário
http://oporaoliterario.blogspot.com

Yvens

Olá, tudo bem?

Eu assisti apenas dois episódios de Doctor Who e tem alguns anos, na época até achei legal, mas não continuei assistindo por estar na vibe de outras séries. Gostei da sua crítica e vou tentar assistir essa série em Janeiro.
Abraço!

Saga Literária

Olá, tudo bem?

Eu confesso qeu assisti até hoje apenas dois episódios de Doctor Who, era que na época em que assisti eu acompanhava outras séries, mas achei interessante naquele momento. Gostei da sua crítica, parece ser um episódio bem legal e pretendo começar a acompanhar essa série no próximo ano.
Abraço!