22
05
2017

Diário de Leituras: Como Mudei Minha Forma de Ler

Eu comentei por aqui, no post sobre planejar leituras, que fiz um Diário de Leituras. Resolvi então conversar sobre ele e como ele mudou minha maneira de ler. Até porque quando comecei a usá-lo, não tinha ideia de como ele melhoraria as minhas leituras. E é algo tão simples que nem dá para acreditar.

(mais…)

20
03
2017

Parceria: O Que Eu (E Todo Blogueiro Literário) Gostaríamos

Todo começo de ano, várias editoras abrem processo de seleção de blogs parceiros. Na maioria das vezes, esses blogs receberão alguns livros durante o ano para que produzam conteúdo sobre eles. É uma forma da editora mostrar seu produto diretamente para o seu público-alvo. Como meu blog fala bastante sobre livros (embora não seja exclusivamente literário) eu me inscrevo para alguns deles. Seria uma maneira de trazer conteúdo novo para vocês, leitores. Mas são seleções para parceria bem concorridas e vamos aos poucos colecionando os “nãos” que levamos.

 

Nessa última semana, porém, um desses resultados me levou a pensar no que exatamente constitui essas parcerias. Todos os blogs que não foram selecionados receberam um e-mail anunciando que existiriam 3 vagas remanescentes e que quem quisesse produzir conteúdo sobre a editora e seus livros poderia preencher um formulário. Só que isso pegou bem mal, porque parece que a editora quer divulgação gratuita sem a necessidade de qualquer contrapartida.

Essa não é uma discussão nova. Afinal, o que seria uma verdadeira parceria entre blogueiro e editora? Parceria significa um acordo que traz benefícios às partes envolvidas, porém não é o que temos visto na prática. Para muitas editoras, essas “parcerias” significam o envio de alguns livros por ano para ser assunto do post. Mas o simples envio de um livro (que normalmente custa em torno de R$ 30,00) não seria suficiente para pagar o valor de um publieditorial na maioria dos blogs.

As editoras não são benfeitoras, distribuindo livros de graça. Muito pelo contrário, estão recebendo o benefício da divulgação. E na maioria das vezes, não se dão ao trabalho sequer de divulgar o trabalho dos blogs parceiros em suas redes sociais.

O trabalho do blogueiro parceiro é frequentemente desvalorizado. O que coloca mais sal na ferida é saber que os blogs maiores recebem os mesmos kits sem nenhuma obrigação. Que parceria é essa?

(mais…)

31
08
2016

#BlogDay – Espalhando Amor Pela Blogosfera

O último dia de agosto é o #BlogDay. Nesse dia, a gente aproveita para espalhar um pouco de amor pela blogosfera, indicando nossos blogs favoritos. Porque amamos indicar o trabalho de outras blogueiras que também compartilham conteúdo, opinião e informação. Foi escolhido esse dia porque se os números que formam a data 31/08 fossem letras, daria para ler a palavra blog.

blogday-post

Então, aqui estão os blogs de gente bonita, elegante e sincera. Aqueles blogs que eu não me canso de visitar e que sempre trazem posts interessantes. Infelizmente, tive que selecionar alguns, porque se colocasse todos os meus preferidos, esse post viraria um livro do George R. R. Martin.

(mais…)

06
07
2016

O Que Você Precisa Saber Para Ter Um Blog

Já estou planejando esse post há algum tempo e sinto que finalmente chegou a hora. Nós precisamos falar sobre blogs. Mais especificadamente, sobre o que você necessita ter em mente se quiser ter um blog. blog

Tem muitos blogs na internet. É só observar por aí, são os mais variados temas, tipos de escrita… Começar um blog é relativamente fácil. Existem várias plataformas que oferecem o serviço de maneira gratuita. Basta escolher o nome, fazer um cadastro e bang: você tem um lugar na internet. Se por um lado isso é muito legal, por outro significa que a atenção do leitor é muito disputada.

O problema maior é que muita gente quer ter um blog pelos motivos errados. Como já sou uma veterana no assunto (o Pequenos Retalhos existe desde 2011, mas tive outros antes dele), resolvi unir nesse post algumas dicas para você, que quer ter um. São coisas simples que você deve ter em mente antes de se jogar nesse universo. Vamos lá?

(mais…)

22
03
2012

Metablogging: Blogando sobre Blogar

De uns tempos para cá, tenho percebido em alguns dos blogs que mais leio um movimento para que os blogs voltem aos seus áureos tempos, quando ter um blog era mais sobre escrever sobre o que gostava, expondo sua opinião sobre o assunto ao invés de simplesmente fazer propaganda sobre um produto que recebeu gratuitamente da assessoria de imprensa de alguma empresa ou loja. Ainda bem que tal movimento existe, porque não aguento mais ler propaganda nos blogs.
Tudo bem, até existe aquela máxima “na vida nada se cria, tudo se copia”, mas a grande maioria dos blogs atualmente tem usado essa máxima como lema e não criando absolutamente nada, só copiando o que outros blogs estão postando. É triste, mas com tantos assuntos iguais, acaba que mesmo depois de você passar por 100 blogs, parece que você leu dois. E as idéias de parceria e divulgação de produtos acabaram se tornando o assunto principal de vários blogs de beleza.

Afinal, para que alguém começa um blog? Porque levando-se em conta o comportamento de algumas blogueiras por aí, me parece que a idéia principal é “pra ganhar coisa de grátis”. Perdeu-se o principal (e para mim, o mais interessante), que era exatamente a opinião da pessoa por trás do post que, consumidora como eu, fala o que achou do produto, ou de um filme, ou de um livro… seja essa uma opinião positiva ou negativa.

Em alguns blogs, eu me sinto quase como alguém que, ligando a TV na expectativa de assistir um programa interessante, acaba assistindo comercial atrás de comercial.

Aliás, quando foi que ser blogueira virou sinônimo de ser celebridade? Os blogs deixaram de ser algo pessoal e se transformaram em empresas. Muitas blogueiras vivem quase que exclusivamente com a renda de seus blogs e, embora não tenha nada errado nisso, em alguns casos isso significa perder toda a individualidade e mesmo chegar a omitir informações e opiniões com o simples objetivo de vender seu espaço para o anunciante.

Um exemplo muito interessante do fato, e que serviu para eu não perder toda a minha fé nos blogs e canais do YouTube (que também sofrem com os mesmos problemas), foi quando a Sigma enviou para as suas “afiliadas” que mais encaminham compradores um kit de pincéis enormes banhados a ouro 24k, que custa aproximadamente 500 dólares (ou seja, quase 1000 reais). Fiquei impressionada com algumas das resenhas, que se limitaram a dizer que o produto era um luxo, um sonho de consumo.

Quando pensei que tudo estava perdido, assisti o vídeo da resenha desse mesmo produto feita pela Lisasz09 no Youtube e ela falou exatamente o que pensava: que era um luxo totalmente desnecessário, que ela não via sentido nenhum em gastar 500 dólares em pincéis que exerciam a mesma função de qualquer outro. Detalhe: ela tinha ganho esse kit de pincéis e outro diferente, também banhado em ouro, no valor de 200 dólares. E deu sua opinião sincera sobre o produto.

A maioria das blogueiras e das vloggers, infelizmente, não tem coragem de, ao receber algo de valor tão alto gratuitamente de uma empresa, falar o que realmente pensa. E nem é falar mal, é apenas apontar as falhas do produto ao invés de elogiar cegamente. Para mim, blog significa outra coisa. Na minha opinião, um blog deve ser um lugar seu na internet, com a sua cara, onde estejam expostas as suas opiniões, por mais estranhas que elas possam parecer, independente do produto ter sido recebido gratuitamente ou não. Se não… para quê ter blog?

Deixo a reflexão para todas, blogueiras profissionais e blogueiras que, como eu, estão nessa para se divertir e conhecer novas pessoas.

08
05
2011

Alguns Blogs Legais

Eu vivo entrando em blogs e amooo de paixão conhecer blogs novos. Como às vezes eu me esqueço de um nome ou outro de um blog que eu gostei de conhecer (e eu vivo entrando em blogs ao clicar em links em outros), decidi colocar aqui alguns dos blogs que eu estou amando ler:

1. www.byfafella.com – O blog da Rafaella Figueiredo, que é brasileira mas mora nos EUA, tem de tudo um pouco, mas o que eu mais gosto é de assistir os vídeos que ela ensina a fazer maquiagens. Claro, eu ainda sou muito iniciante nesse mundo, e por isso acho legal assistir vídeos que ensinem o passo-a-passo, até o be-a-bá mais óbvio. Ela dá dicas super legais e por isso recomendo muito.

2. http://roanahernandez.com.br/ – Acho que a Roana me conquistou pelos vídeos. Desde o primeiro vídeo dela que eu assisti, já fui muito com a cara dela. Ela é muito divertida, bem natural (tipo se chamar de louca no meio do vídeo) e o sotaque dela é interessantíssimo. Também, não poderia ser diferente: ela é de Aponi – RN (conhece? não? nem eu!), casada com um peruano e agora está morando no Texas. Ela também tem um e-shop com vários produtos e os preços parecem ser bem legais, mas como não testei, não sei exatamente como funciona. Ah, e o filho dela, o João (que ela chama de João delícia) é um fofo!

3. http://umanosemzara.blogspot.com/ – Imagine ser louca pelo mundo da moda, amar comprar roupas novas e de repente, se comprometer a ficar UM ANO sem comprar roupa nenhuma. É sobre isso que a Jojo posta em seu blog. A cada dia, um look novo… com roupas que ela já tinha em seu guarda-roupa.

Por enquanto são esses… conforme eu for lembrando, a lista aumenta!